Câmara Municipal de Aljustrel
Consdep
Carlos Bartazar


3505547
Hoje
Ontem
Este Mês
TOTAL
228
524
58595
3505547

Newsletter

Ouvir a TLARádio

Quem está ligado

Temos 77 visitantes e sem membros em linha

 

Mineiro 1 | Esperança de Lagos 1

Foi um jogo com muita entrega, muita luta a meio campo pela disputa e controlo da bola, mas onde escassearam as oportunidades de golo em qualquer uma das baliza. Entrou melhor o Mineiro e com uma pressão alta sobre o Lagos ia permitindo algum ascendente de posse de bola ao adversário mas sem este criar perigo eminente. O primeiro remate com algum perigo só apareceu ao minuto 25’por intermédio de Janita defendido com segurança por Miguel Cruz. O Mineiro respondeu e aos 27’ Nelson Raposo com uma jogada de mestria, com um grande domínio de bola e um excelente passe, desmarca Diamantino que progride para a área e remata cruzado para o primeiro golo do jogo. Até final da primeira parte não houve mais jogadas de perigo. Na segunda parte esteve melhor o Lagos que logo aos 47’ aproveitou bem um contra ataque e na sequência de um cruzamento na direita, Carlos Borges ao tentar o corte coloca a bola em André Lourenço que remata colocado para o empate. Teve que se esperar até aos 71’ por mais jogadas de perigo, e foi num livre batido por Nelson Raposo que Carlos Borges desviou ligeiramente ao lado. Na resposta, e no minuto seguinte foi Boiças em jogada individual pela esquerda a entrar na área e a rematar para defesa apertada de Miguel Cruz. Até ao final lutou-se muito pela posse de bola mas sem situações de golo, chegando-se ao final da partida com um empate a uma bola que penaliza mais a equipa tricolor que jogando em casa, precisava de vencer para se aproximar dos primeiros 6 classificados da tabela. Com uma deslocação muito difícil ao terreno do líder do campeonato na próxima semana, o União de Montemor, não se esperam facilidades para o Mineiro, numa fase decisiva da competição onde tudo se resolverá na luta pelos lugares que dão acesso ao grupo dos 6 que vão lutar pela subida de divisão.

Árbitro: Rui Soares – A. F. Santarém
Auxiliares: Pedro Gorjão e Edgar Duarte
Uma arbitragem muito positiva desta equipa que se deslocou de Santarém, muito em cima dos lances e deixando sempre jogar, pecando apenas na marcação de uma posição irregular quase no final da partida a Kito. Sem influência no jogo nem no resultado final tentou sempre passar desapercebida no jogo.

 

Mineiro Aljustrelense
Miguel Cruz; Paulo Serrão; Nuno Alves; Marcos; José Mestre (Jeccy, 81’); Carlos Estebainha (cap); Carlos Borges; Nelson Raposo; Tiago Lopes (Zé Luís Estebainha, 56’); Diamantino (Kito, 87’); Bruno Conduto.

Treinador: Carlos Piteira

Suplentes não utilizados: Fábio Reis; Semedo; Nuno Martins; Rubenilsson.

Disciplina: Cartões Amarelos: Paulo Serrão, 75’; Marcos, 86’.

Golo: Diamantino, 27’ [1-0]

 

Clube de Futebol Esperança de Lagos
Fábio Sapateiro; Jorge; David Rosa; Nelson (cap); Boiças (Simon, 89’); André Lourenço; Janita (Márcio, 65’); Mika (Galanducho, 90+2’); Balizas; Bruno; João Vitor.

Treinador: Edmundo Silva

Suplentes não utilizados: Diogo Santos; Casinha; Rafael; Roberto.

Disciplina: Cartões Amarelos: Mika, 66’; Jorge, 70’; Boiças, 85’.

Golo: André Lourenço, 47’ [1-1].